top of page
Buscar
  • marketing02410

Ryan Kainalo e Alexia Monteiro são os donos da festa na final do CBSurf Rip Curl Grom Search RS

Atualizado: 30 de nov. de 2022

São Paulo garantiu nova vitória e o título geral por equipes

Com duas vitórias cada, Ryan Kainalo, de São Paulo, e Alexia Monteiro, do Rio Grande do Sul, foram os donos da festa na 3ª e decisiva etapa do CBSurf Rip Curl Grom Search, apresentado por GoPro, encerrada neste domingo (25), em Xangri-lá, no litoral gaúcho. Os dois atletas ganharam a sub16 e a categoria acima, a sub18. Alexia, que contou com a torcida local, ergueu a taça geral em sua faixa etária e ainda foi a vice geral, enquanto Ryan teve o melhor desempenho entre todos os atletas, com os dois títulos, sendo o único a ter 100% de aproveitamento, com três primeiros lugares entre os competidores com até 16 anos.

Mais dois paulistas comemoraram títulos nacionais de 2022 nas ondas do Píer de Atlântida: Kalani Robles, na sub14, e Carol Bastides, na sub12. Luara Mandelli, do Paraná, foi a campeã sub14 e a atleta com grande aproveitamento, sendo a vice na sub16 e a quarta na sub18. Arthur Villar, do Rio Grande do Norte, completou a lista de melhores do ano, com o caneco da sub12. Por equipes, São Paulo venceu pela terceira vez e ratificou o primeiro lugar no ranking.

Na etapa, algumas vitórias foram mais tranquilas. Na sub18 feminina, a campeã Kyane perdeu logo na estreia e na final, Alexia dominou desde o início, depois de um 6,23. Na sub18 masculina, Ryan entrou no mar precisando de um terceiro lugar para assegurar seu segundo título (já havia garantido a sub16 por antecipação) e com um 7,33 abriu bem o caminho para o primeiro lugar. Na sub16, Alexia e Ryan repetiram as boas apresentações e as vitórias.


Vale destacar que nessas categorias, o Circuito também definiu a seleção que

disputará o ISA World Junior Championship 2023, o mundial de base. “Estou

muito feliz. Consegui ganhar as duas categorias. É muito difícil competir com essa galera que está vindo ‘comendo desde baixo’. Comemorar um pouco agora e já vou começar a preparação para o ISA”, afirmou o campeão brasileiro sub16 e sub18, Ryan Kainalo.

Na sub14 feminina, Luara Mandelli, filha da longboarder Thiara Mandelli,

disputou a final como campeã e confirmou o título ganhando a etapa. Na sub14

masculina, quem chegasse na frente entre Kalani Robles e o catarinense Yuri

Gabriel levava o título e o que se viu foi uma bateria disputadíssima, com duas viradas de placar nos instantes finais. O surfista de SC assumiu a ponta e depois o novo campeão ficou aguardando na areia a sua nota. Precisava 3,34 e tirou 4,81 para uma grande festa, comandada pelo pai e treinador, o shaper Eduardo Reco.


Na sub12, Carol Bastides também competiu como nova campeã, mas quem fez a

festa em Xangri-lá foi Lanay Thompson, do Rio de Janeiro, filha da longboarder Mainá Thompson. A surfista paulista, apadrinhada pelo campeão mundial e olímpico Italo Ferreira, terminou em terceiro para festejar seu primeiro título nacional. Na sub12 masculina, uma disputa eletrizante, com Vini Palma, de São Paulo, superando o novo campeão, Arthur Villar, também membro da equipe de Italo.


Fora do mar, o evento contou com várias atrações para entretenimento dos

atletas, inclusive da pintura de pranchas feitas pelo artista Marcello

Macarrão, responsável por criar artes nas pranchas de Gabriel Medina.

ostaria de agradecer à diretoria da CBSurf, ao Teco Padaratz, ao Paulo

Moura, ao Geraldinho, ao Fred, essa equipe gigante, por esse primeiro ano de

parceira com a Rip Curl. Estamos super felizes com o resultado final. Foram

três etapas iradas, grande sucesso e esperamos repetir por mais anos”,

ressaltou o gerente de marketing da Rip Curl, Fernando Gonzalez.


Ele também deu parabéns para a equipe da Federação Gaúcha de Surf pelo empenho em realizar a etapa, mesmo com todas as dificuldades geradas pelo

clima. "Agente tomou uma surra da chuva, vento, frio. Rio Grande do Sul

mostrou toda a sua energia, mas todos que estavam envolvidos ajudaram,

inclusive a associação local. Foi sensacional, um grande astral. E para

finalizar, agradecer todos os pais e atletas que participaram, realizando

mais uma edição de sucesso do nosso circuito”, complementou.

O presidente da CBSurf, Flávio Teco Padaratz, retribuiu o agradecimento à

Rip Curl pela parceria neste ano, unindo dois tradicionais circuitos para

definir os campeões brasileiros de base. “”Temos de enaltecer a Rip Curl que

entrou nesse projeto com a gente e dizer que já estamos conversando para o

ano que vem. Já temos planos acontecendo para esta categoria. Quero aproveitar para agradecer a Prefeitura de Xangri-lá pelo grande apoio que nos deu" falou.

O Circuito CBSurf Rip Curl Grom Search foi uma realização da Confederação Brasileira de Surf e Rip Curl com apresentação da GoPro. Patrocínios da Surfland Brasil, FuWax, Silverbay, Brazinco, DNTBras, blocos Teccel, Açaí do Joca e pranchas EB Surfboards. Apoio da Prefeitura de Xangri-lá, com a colaboração de Restaurante 20 Barra 9, Vero Internet e Apaga Incêndio e homologação da Federação Gaúcha de Surf e Atlântida Pro Surf.

Fotos: Angelo Demore, Rodrigo Bareja e Rafael Saccomori

RANKING FINAL 2022

SUB18 MASCULINO

1 Ryan Kainalo – SP – 2.710

2 Luan Ferreyra – PE – 2.385

3 Samuel Joquinha – RN – 2.007

4 Guilherme Fernandes – SP – 1.880


SUB18 FEMININA

1 Kiany Hyakutake – SC – 2.430

2 Alexia Monteiro – RS – 2.240

3 Sophia Gonçalves – SP – 2.160

4 Luara Mandelli – PR – 1.986

SUB16 MASCULINA

1 Ryan Kainalo – SP – 3.000

2 Luan Ferreyra – PE – 2.087

3 Guilherme Lemos – RJ – 2.070 4 Anuar Chiah – PR – 1.962


SUB16 FEMININA

1 Alexia Monteiro – RS – 2.531

2 Luara Mandelli – PR – 2.366

3 Gabriely Vasque – PR – 2.062

4 Aysha Ratto – RJ – 2.016


SUB14 MASCULINA

1 Kalani Robles – SP – 2.710

2 Yuri Gabriel – SC – 2.610

3 Anuar Chiah – PR – 2.531

4 Pedro Henrique – SP – 1.815

4 Ryan Martins – SC – 1.815


SUB14 FEMININA 1 Luara Mandelli – PR – 2.900

2 Maria Clara – RN – 2.285

3 Maria Beatriz – SP – 2.268

4 Luiza Teixeira – SC – 1.918


SUB12 MASCULINA

1 Arthur Villar – RN – 2.800

2 Vini Palma – SP – 2.656

3 Calebe Simões – SP – 1.896

4 Bernardo Bicalho – BA – 1.872


SUB12 FEMININA

1 Carol Bastides – SP – 2.810 2 Lanay Thompson – RJ – 2.330

3 Marina Suguimoto – SP – 2.285

4 Kyara Antunes – SC – 2.212


EQUIPES

1 São Paulo – 3.000

2 Paraná – 2.700

3 Santa Catarina – 2.430

4 Rio de Janeiro – 2.187


RESULTADOS DA 3ª ETAPA


SUB18 MASCULINA

1 Ryan Kainalo – SP

2 Lucas Cainan – PR

3 Samuel Joquinha – RN

4 Noah Machado – SC


SUB18 FEMININA

1 Alexia Monteiro – RS

2 Sophia Gonçalves – SP

3 Aysha Ratto – RJ

4 Gabriely Vasque – PR


SUB16 MASCULINA

1 Ryan Kainalo – SP

2 Guilherme Fernandes – SP

3 Rayan Fadul – BA 4 Pedro Henrique – SP


SUB16 FEMININA

1 Alexia Monteiro – RS

2 Nairê Marquez – SP

3 Luara Mandelli – PR

4 Aysha Ratto – RJ


SUB14 MASCULINA

1 Kalani Robles – SP

2 Yuri Gabriel – SC

3 Pablo Gabriel – RJ

4 Ryan Martins – SC


SUB14 FEMININA

1 Luara Mandelli – PR

2 Maria Clara – RN

3 Aurora Ribeiro – SP

4 Maria Beatriz – SP


SUB12 MASCULINA

1 Vini Palma – SP

2 Arthur Vilar – RN

3 Bernardo Bicalho – BA

4 Cauã Demski – SC

SUB12 FEMININA

1 Lanay Thompson – RJ

2 Marina Suguimoto – SP

3 Carol Bastides – SP

4 Julia Stefani – SP


EQUIPES

1 São Paulo 2 Paraná

3 Santa Catarina

4 Rio de Janeiro




10 visualizações0 comentário
bottom of page